Informativos
 
Busca
28/01/2015
Conheça as vantagens do ar condicionado automotivo
 


Item cada vez mais presente, o sistema de refrigeração do automóvel pode proporcionar bem-estar, segurança e qualidade de vida

De norte ao sul do país o calor é um dos grandes vilões da população. O clima tropical do Brasil unido aos fenômenos naturais têm tornado a sensação térmica mais nociva e agravado problemas de saúde. Para aliviar, o ar condicionado automotivo é um aliado e vem sendo usado em um número cada vez maior de veículos.

Além dos fatores naturais, conforto e preço mais baixo são os atrativos para os motoristas que acabam preferindo a comodidade do ar condicionado.

Com as novas tecnologias os reparadores precisam se preocupar em utilizar peças originais que reduzem o desgaste excessivo dos componentes e minimizam possíveis danos aos automóveis dos clientes. Além de proporcionar o conforto, a correta instalação do sistema de ar condicionado original evita retrabalhos e gera satisfação dos clientes.

A correta instalação e utilização de peças originais proporcionam não só o conforto, mas também podem oferecer outras vantagens aos clientes e proprietários dos veículos.

Confira algumas:

Segurança: Blindados ou não, os vidros fechados auxiliam a inibir abordagens no trânsito. Com o ar condicionado ligado, a propensão a acostumar-se a andar sempre com vidros fechados é maior.

Estrada e economia: Quando os vidros do automóvel estão abertos, o vento que entra pelas janelas parece segurar o carro e a sensação de resistência é maior principalmente quando o veículo está em velocidade alta, provocando o chamado arrasto. Isso faz com que o carro exija mais trabalho do motor, aumentando o desgaste e consumo de combustível. Com os vidros fechados, o carro tem menor arrasto, há mais economia de combustível e menor desgaste do motor.

Qualidade de vida: Um dos fatores importantes sobre o ar condicionado é a qualidade de vida que proporciona aos usuários. A satisfação de estar em um ambiente confortável, agradável e livre do caos urbano, evitando o contato com a poluição do ar, fumaça e resíduos de outros automóveis, tem influenciado bastante na decisão de instalação e utilização do ar condicionado automotivo. Além das vantagens já citadas, o ar condicionado veicular ajuda também a reduzir o stress, principalmente para quem tem o seu carro como uma ferramenta de trabalho.

O ar condicionado: Chamamos de ar condicionado o processo de troca de calor entre um ambiente interno e o externo do habitáculo do veículo, processo chamado de refrigeração. É possível retirar calor de um sistema fechado e dissipá-lo no meio ambiente através de um fluido refrigerante que circula em um sistema fechado, retirando o excesso de calor existente no interior do veículo.

Sistema de refrigeração tem como função controlar a temperatura e umidade interna do veículo, trazendo conforto aos seus ocupantes, além de evitar a condensação do ar e o consequente embaçamento dos vidros em dias úmidos.

Como funciona:
O fluido refrigerante encarregado de fazer a troca de calor do ambiente interno do veículo é o HFC134, mais conhecido como R134, chamado de Fluido Refrigerante Ecológico.

Para que este fluido transite pelo sistema é necessária a utilização de um dispositivo chamado compressor, que está fixado ao lado do motor e ligado a ele através de um sistema de polia e correia. Quando acionado, o compressor gera pressão no sistema, de forma a aspirar e comprimir o fluido e elevar sua temperatura e pressão.

Ainda no estado gasoso, o fluido é direcionado através de tubulações de alumínio para o condensador, localizado na dianteira do veículo, à frente do radiador do motor. A posição permite uma troca térmica com o ar de forma eficiente, retirando calor do fluido refrigerante, o que permite a diminuição da temperatura.

Já ao sair do condensador o fluido volta no estado líquido, mas ainda sob pressão elevada, e passa pelo filtro secador, cuja função é reter partículas de impureza e impedir que estas danifiquem outros componentes do sistema, além de absorver a umidade presente no fluido.

Uma vez limpo, o fluido, ainda líquido, é direcionado para a válvula de expansão onde ocorre uma brusca variação de pressão e consequente queda de temperatura. Essa condição, conhecida como expansão, transforma o fluido em gotículas microscópicas, formando uma névoa.

Dentro do evaporador a névoa de fluido circula por pequenos tubos de alumínio. Neste momento o ventilador do painel do veículo lança a massa de ar que foi retirada do habitáculo ou do ambiente externo. O ar, por estar mais quente que o fluido, cede parte do seu calor e umidade, transformando o fluido novamente em gás. É essa massa de ar que, ao fornecer calor ao fluido, sai dos dutos de ventilação, refrigerando o interior do veículo.

O sistema é composto por:
- Compressor
- Condensador
- Filtro secador e reservatório
- Válvula de expansão
- Evaporador
- Ventilador condensador
- Ventilador do evaporador

Peça Certa
Uma situação inesperada envolvendo o carro é exatamente aquilo que nossos clientes não desejam passar durante as férias, principalmente se houver viagens e passeios programados. Já imaginou então o quão desagradável seria se, no meio do calor do verão, o ar condicionado do carro resolvesse pifar?

Para evitar um momento desagradável como esse, alguns cuidados podem e devem ser tomados. Ter a certeza de que escolheu peças corretas e originais é primordial. Ao optar por peças originais, proporcionamos conforto e segurança aos clientes com a comodidade da instalação de itens que não danificarão ou afetarão no funcionamento do veículo, garantindo a qualidade e originalidade.
Fonte: Noticias da Oficina VW

VEJA TAMBÉM

28/01/2015 - O que é um ionizador de ar?
28/01/2015 - Sujeira no ar-condicionado do carro prejudica a saúde e custa caro
28/01/2015 - Veja 10 mitos e verdades sobre ar condicionado do carro
Veja Todos

 
DADOS PARA CONTATO
Fone: 49 . 3442 3156 - 9107 9733
Rua Paulo Secchi, nº 585
Bairro Vista Alegre, Concórdia / SC
CEP: 89700-000
© - Ideia Good - Soluções para Internet